A HABITAÇÃO APOIADA EM PORTUGAL

N.º 99 (JANEIRO 2020)

Autor: Ricardo Costa Agarez

Editora: FFMS

(disponível download)

Corria a Primeira República quando, em Portugal, primeiro se considerou o direito de todos os cidadãos à habitação condigna e se iniciou a construção de «casas económicas» e «bairros sociais» com apoio público.

Que herança ficou dos últimos 100 anos de iniciativas e realizações, e como pode esta experiência ser tornada útil em respostas e decisões, hoje? O presente ensaio propõe uma reflexão sobre os modelos, as ideologias e as matrizes que sucessivos regimes e governos adoptaram durante um século de promoção pública nacional da habitação apoiada. Através da arquitectura e do desenho urbano das casas e bairros realizados nas cidades, vilas e aldeias portuguesas, observam-se os grandes ciclos de política, filosofia de intervenção e organização administrativa subjacentes, com o Estado central a assumir posições de fôlego e protagonismo variáveis ao longo do tempo.