A Religião no Espaço Público Português

28/11/2019

 Helena Vilaça, Maria João Oliveira

1ª ed. - Lisboa : Imprensa Nacional, 2019

 

Devido à sua natureza multifacetada, a religião continua a inscrever-se no espaço público. Após séculos de um monopólio católico, observa-se em Portugal uma redefinição sociopolítica e cultural do catolicismo, ensaiada de modo particular depois da revolução democrática de 1974. Sem deixar de reconhecer os indícios de secularização no plano social e individual - de que é exemplo o crescimento acelerado de pessoas sem religião, principalmente nas áreas mais urbanas e cosmopolitas -, são analisadas as manifestações mais espontâneas de religiosidade associadas a fenómenos como o de Fátima; o papel de destaque da Igreja Católica em áreas como a educação, a solidariedade social, as migrações ou a cultura; e os indicadores de religiosidade, comparativamente elevados e indicativos da excecionalidade do caso português no quadro europeu.Esta obra aborda também o crescimento e a multiplicação das minorias religiosas, que procuram o reconhecimento no espaço público e a introdução de lógicas mais competitivas no campo religioso.A coleção Estudos de Religião, coordenada pelo Centro de Investigação em Teologia e Estudos de Religião da Universidade Católica Portuguesa, acolhe estudos e ensaios multidisciplinares sobre as religiões e as dimensões religiosas da cultura.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Linkedin
Please reload